quinta-feira, janeiro 31, 2008

Pôr-do-sol

Vincent Van Gogh - Sunset

Pétalas de rosas e açucenas, querendo ser pequenas nuvens perfumadas, flutuam em teu redor ao sabor da brisa de um dia que entardece. Acenas ao longe. Tudo apenas um sorriso rútilo de Centáurea. Resplandecente. E por entre as cores garridas de um arco-íris só nosso emerge o teu encanto de Amor-perfeito. Caminhas para mim e deixas-me sem respiração. Por onde passas florescem frondosos jardins de Hortênsias e Buganvílias, e escuta-se o jucundo canto dos Pintassilgos. Estendes a tua mão de encontro à minha. Beijas-me. E por um momento sinto-o como se de novo fosse este o primeiro beijo. Os teus lábios salgados. Os meus, suplicantes. Unidos. E o tempo a não ser tempo. O espaço a não ser espaço. Sentas-te. Bem junto a mim. Palavras. Versos. Poemas. De amor. Depois, em silêncio cúmplice, contemplamos o Sol maiúsculo que se despede tecendo os últimos fios de prata. O mar, cansado, a repousar sob um horizonte matizado em laranjas, violetas e azuis turquesa… Voltamo-nos um para o outro. Olhos nos olhos. E sorrimos…

JFDourado – Pôr-do-sol – 31/01/2008



11 comentários:

Ana disse...

gosto muito do final do texto...sereno:)
a imagem do quadro de Van Gogh desviou-me a atenção da primeira vez q li o texto: as cores são fortes, parece um "verdadeiro" pôr-do-sol.

JFDourado disse...

foi essa a minha intenção :)

realmente, quando o encontrei a sensação que tive foi que estava a ver um pôr-do-sol como os que temos cá na Póvoa. Sem dúvida os mais bonitos ;)

un dress disse...

entrar-se.

na imobilidade móvel..........:)







.beijO

JFDourado disse...

:)


obrigado pela(s) visita(s) un dress

;)

Lis disse...

:-) lá estaremos, ao cair da noite. Se vires alguém muito animada, sou eu!

Andreia Ferreira disse...

Tudo tão bonito. As tuas palavras, o quadro... Saio daqui mais serena :)

JFDourado disse...

Lis:
humm... desconfio que vamos estar todos animados :)

Andreia:
obrigado!
que bom que é saber que há quem goste daquilo que fazemos :)

Ana disse...

estava a reler o texto e... sabes o que falta?! chet baker ;)

JFDourado disse...

e não é que tens razão?! talvez a "my funny valentine" ou a "the touch of your lips". O som a passar como que em rodapé, ou melhor ainda, a passar deliciosamente em surdina... ;)

Claudia Sousa Dias disse...

Adoro!

O quadro suga-nos a vontade como um gelado num dia de verão...as palavras transmitem paz...


Tudo cheira a férias.


CSD

Maria disse...

Mágico :) Escreves realmente muito bem. Este está muito muito bonito.
Até me parou a respiração..